Programa Adaptar Turismo – Apresentação de candidaturas para apoios a fundo perdido até 20 mil euros.

O Programa Adaptar Turismo, destinado a micro, pequenas e médias empresas do setor afetadas pela pandemia, conta com uma dotação de cinco milhões de euros para apoios a fundo perdido até 20 mil euros.

O Adaptar Turismo tem por objetivo apoiar as empresas do turismo no esforço de adaptação e de investimento nos seus estabelecimentos, permitindo ajustar os métodos de organização no trabalho e de relacionamento com clientes e fornecedores ao contexto pós-Covid-19.

Segundo as regras hoje publicadas, serão apoiados projetos com uma despesa mínima de 2.500 euros e uma duração máxima de execução de 12 meses, que não estejam iniciados à data da apresentação da candidatura ao apoio. Entre os projetos elegíveis estão os custos com a requalificação, modernização e ampliação dos espaços existentes, incluindo obras de adaptação, que permitam responder a necessidades decorrentes da pandemia da doença covid-19 e aquisição e instalação de dispositivos de pagamento automático, incluindo sistemas de self-check-in e self-check-out, preferencialmente os que utilizem tecnologia contactless.

As despesas com a intervenção de contabilistas certificados ou revisores oficiais de contas, na validação da despesa dos pedidos de pagamento, até ao valor de 15% do valor do investimento e com o limite de 2.500 euros, estão também abrangidas pelos apoios.

Os apoios são atribuídos sob a forma de subvenção não reembolsável, ou seja, a fundo perdido. Têm um limite de 75% das despesas elegíveis, até um máximo de 15 mil euros por empresa. Estes tetos podem ser alargados, «no caso das empresas que estiveram encerradas administrativamente no contexto da situação da pandemia» e que tenham atividade principal como bares, discotecas ou parques de diversão. Nesses casos, o limite dos apoios passa a ser de 85% das despesas elegíveis, até um máximo de 20 mil euros por empresa.

Consulte o Despacho Normativo n.º 24/2021

COVID condiciona recolha de cupões Campanha de Natal. Sorteio adiado para 15/02/2021.

O atual estado de emergência decretado, impõe o encerramento da maioria dos estabelecimentos comerciais aderentes e limita a circulação de clientes.

Considerando a dificuldade na recolha de todos os cupões dentro do prazo previsto para sorteio e para cumprimentos da legislação que restringe a circulação de pessoas, a AESOURE solicitou a revisão do artigo 5.º do regulamento do concurso, alterando a data do sorteio da “Tômbola de Natal 2020” para dia 15 de fevereiro de 2021, no Edifício dos Paços do Concelho, pelas 15 horas.

Assim, os clientes dos estabelecimentos aderentes que se viram privados de entregar os seus cupões, podem fazer a sua entrega no secretariado da AESOURE até dia 12/02/2021 (Colocar na caixa de correio, na entrada do edifício INES, em Quinta da Coutada, junto ao pavilhão multiusos, em Soure).

Programa ADAPTAR, até 80% a fundo perdido. Gestão da candidatura SEM CUSTOS para associados da AESOURE.

No âmbito dos apoios já informados no artigo Publicado Decreto-Lei que define Programa ADAPTAR para apoiar Microempresas e PME’s na adaptação às novas recomendações COVID-19” a AESOURE disponibiliza, aos seus associados, um serviço de apoio ao enquadramento, submissão e gestão da candidatura ao Programa ADAPTAR, por forma a que todo o processo seja executado sem custos pelo serviço.

Se ainda não é, torne-se nosso associado!

 

Inscrição de novo sócio até final do ano de 2020 não paga Jóia de Inscrição.

 

Associe-se e receba mais informação … Faça-nos chegar as suas preocupações!

  • Na sombra temos conseguido chegar aos organismos nacionais, reivindicando alterações à legislação, apoios, etc…
  • Associados à Confederação do Comércio e Serviços de Portugal (CCP), temos enviado aos nossos sócios informação constante de apoio à decisão.
  • Nas nossas redes sociais temos partilhado a atividade do comércio local (que usa a rede).
  • Na nossa página oficial tem surgido, diariamente, informação aberta a sócios e não sócios sobre legislação, apoios e recomendações.
  • Fruto da dinâmica criada, a nossa página oficial (aesoure.pt) aparece em destaque nas pesquisas do google, temos recebido pedidos de apoio e esclarecimento de empresas de norte a sul do país (o nosso foco são, apenas, os nossos associados)

Programa ADAPTAR

Formulário de enquadramento para obtenção de subsídios a fundo perdido para adaptação das PME ao contexto da pandemia COVID-19. Apoios para microempresas: 80% a fundo perdido; apoios para pequenas e médias empresas: 50% a fundo perdido.

Ao preencher este formulário efetuaremos gratuitamente o enquadramento do seu projeto, uma simulação do montante de subsídio que poderá receber e uma proposta para fazermos a sua candidatura.

O Tratamento dos dados submetidos são para uso exclusivo da AESOURE e das empresas parceiras no apoio às candidaturas ao Programa Adapatar.

Poderá contatar a AESOURE através do email: geral@aesoure.pt ou pelo Telef: 239 507 566

Formulário de enquadramento Programa ADAPTAR

Tem Contabilidade Organizada

Tem Contabilidade de 2019 Fechada

Tem situação regularizada perante a SS e Finanças

Despesas de "adaptação" que prevê efetuar ao longo dos próximos 6 meses.

12 + 5 =

COVID-19 | Regras de Higiene no comércio a retalho ou prestação de serviços

Na sequência da publicação da Resolução do Conselho de Ministros n.º 38/2020, de 17-5 que revoga a Resolução do Conselho de Ministros n.º 33-A/2020, de 30-4, a AESOURE informa que:

1 – Os estabelecimentos de comércio a retalho ou de prestação de serviços onde sejam exercidas atividades nos termos deste regime devem observar as seguintes regras de higiene: (mais…)

Pin It on Pinterest